sábado, 25 de outubro de 2014

Tapajós descarta estádio do Santa Cruz e tentará sediar jogos no Mangueirão

O Tapajós, clube de Santarém que disputará a primeira fase do Campeonato Paraense, segue sua busca por uma “casa” para a competição. A diretoria do Boto descartou mandar os jogos em sua cidade por causa da distância e os altos custos de viagens e havia escolhido o estádio Coutão, em Salinópolis, como primeira opção para sediar os dois confrontos que fará como mandante. Porém, os laudos de segurança do local ainda não foram liberados e o estádio do Santa Cruz de Cuiarana também não faz mais parte dos planos dos santarenos. A direção do clube pensa grande e o interesse agora é pelo maior palco do futebol paraense: o estádio Mangueirão. De acordo com o presidente do Tapajós, Sandicley Monte, a agremiação entrará em contato com a Seel (Secretaria de Estado de Esporte e Lazer) na próxima segunda-feira (27) para verificar a possibilidade de o Boto receber Izabelense e Vênus na praça esportiva da capital Belém. Já o Tapajós faz sua pré-temporada no Centro de Treinamento do Santa Cruz de Cuiarana. Os jogadores ganharam folga neste final de semana e se reapresentam na próxima segunda para dar sequência às atividades sob o comando do técnico Fran Costa. De acordo com a direção do Boto, caso o Mangueirão não seja liberado, o estádio Maximino Porpino Filho (Modelão), em Castanhal, seria outra opção para a primeira fase do Parazão. Globoesportepará

Tupi-MG e Paysandu se enfrentam em busca do acesso à Série B em Minas

A força de um bom conjunto e do trabalho bem feito ou o despertar de um gigante do futebol brasileiro? As manchetes estão prontas, mas apenas uma delas irá servir para falar de quem passar do duelo entre Tupi-MG e Paysandu. Quando a bola rolar no Estádio Municipal Radialista Mário Helênio, em Juiz de Fora, a partir das 16h (de Brasília), as duas equipes vão tentar escrever história, avançar para as semifinais e conseguir o acesso para a Série B do Campeonato Brasileiro. O Papão entra em campo com a vantagem da igualdade. O bicolor venceu o Tupi-MG por 2 a 1 no jogo de ida e precisa de um empate para garantir o acesso. Vitórias por 1 a 0 ou por dois ou mais gols de diferença classificam o Galo Carijó. Triunfos do Tupi-MG por 3 a 2, 4 a 3, em diante, dão a vaga aos paraenses. Se o time mineiro vencer por 2 a 1, a definição vai para a disputa de pênaltis.

O árbitro da partida será o goiano André Luiz de Freitas, auxiliado pelos conterrâneos Fabrício Vilarinho da Silva e Jesmar Benedito Miranda de Paula

Apesar da vitória no jogo de ida, o Paysandu não chega a Juiz de Fora cheio de si para enfrentar o Tupi-MG novamente. Ciente da boa campanha do adversário na primeira fase da Série C e do bom retrospecto em Minas Gerais, o discurso dos jogadores do Papão prega a necessidade de fazer gol fora de casa e de não contar com o empate como um resultado determinante – apesar de favorecer o time paraense. Os bicolores terão duas mudanças obrigatórias para este jogo, já que têm dois titulares suspensos.

Tupi-MG: Léo Condé deve escalar a equipe com Rodrigo, Henrique, Wesley Ladeira, Fabrício Soares e Raphael Toledo; Genalvo, Léo Salino, Maguinho e Éwerton Maradona; Chico e Élder Santana (Douglas)
Paysandu:, A equipe começará a partida no 3-5-2, com: Douglas; Charles, Fernando Lombardi e Pablo; Yago Pikachu, Ricardo Capanema, Lenine, Héverton e Airton; Bruno Veiga e Ruan

Globoesportepará

Castanhal derrota Izabelense em jogo amistoso

Castanhal e Izabelense realizaram nesta sexta-feira (24), no estádio Maximino Porpino, em Castanhal, um amistoso visando acelerar o passo na preparação para a primeira fase do Parazão 2015. O Japiim mostrando que vem forte para essa primeira fase do parazão,venceu o jogo pelo placar de 3 a 1, o Castanhal saiu na frente e no primeiro tempo marcou dois gols com Leandro Cearense, aos 14 e 35 minutos.

O Castanhal carimbou seu terceiro com Buiú, aos 29 minutos do segundo tempo, e o Izabelense só descontou nos acréscimos, aos 47 minutos, de pênalti com Negueba. Castanhal e Izabelense se enfrentaram pela última vez em 2006, em confronto válido pela Primeira Fase do Parazão. Na ocasião, o Japiim garantiu a vitória por 2 a 1, no Modelão.

DOL

Vênus vence o Remo Sub-20 em Abaetetuba

Vênus e Remo realizaram, nesta sexta-feira (24), um amistoso alusivo ao título da Segundinha. O confronto ocorreu no estádio Humberto Parente, em Abaetetuba, e Vênus venceu o time sub-20 do Remp pelo placar de 4 a 2 . A equipe abaetetubense saiu na frente, com Souza marcando aos 13 minutos e Dudu, que carimbou o seu aos 37 minutos.

O Vênus começou o segundo tempo indo para cima, e o resultado veio aos 18 minutos, com Cabralzinho. O Remo diminuiu a vantagem aos 23 minutos, com Guilherme, mas Cabralzinho, em uma cobrança de falta, carimbou seu segundo gol pela equipe abaetetubense aos 46 minutos. 

A equipe paraense fez seu segundo gol aos 48 minutos, com Lourilson. A diretoria do Vênus aproveitou o momento festivo para apresentar seus dois novos jogadores contratados para reforçar o elenco na Primeira Fase do Campeonato Paraense: o atacante Landu, ex-Remo, e o zagueiro Tonhão, ex-Cametá. DOL

sexta-feira, 24 de outubro de 2014

Eufóricos, torcedores invadem campo e encerram treino do Fla em Manaus

Euforia total em Manaus. Depois de mais de oito anos, o Flamengo está de volta ao Amazonas, e mais de quatro mil torcedores estiveram no estádio Jornalista Carlos Zamith, nesta sexta-feira, para acompanhar o último treinamento da equipe de Vanderlei Luxemburgo antes do clássico com o Botafogo, sábado, na Arena Amazônia. E observar o ídolos da arquibancada não foi suficiente para os rubro-negros. Uma invasão generalizada do gramado acabou com a atividade antes do tempo previsto. Com apenas quatro titulares relacionados para o clássico (Paulo Victor, Samir, Gabriel e Eduardo da Silva), Vanderlei Luxemburgo liberou o elenco para o tradicional recreativo de véspera de jogos. Enquanto os jogadores se divertiam em campo, a torcida ia a loucura com dribles e jogadas de efeito. A todo instante, os festejos pelos lances executados em campo dividiam espaço com pedidos de acenos ou até mesmo parte do uniforme como recordação. Até que uma jovem foi ovacionada ao pular o alambrado e abraçar o goleiro Paulo Victor.
Seguranças particulares do Flamengo e policiais militares mantiveram a ordem para que o trabalho continuasse, mas apenas por mais alguns minutos. A bola ainda estava rolando quando começaram a entrar torcedores no gramado de todos os lados do estádio, encerrando precocemente a atividade. PV, Eduardo da Silva e Gabriel foram os mais assediados, até que um cordão de isolamento foi organizado para que o elenco pudesse entrar no vestiário. No caminho, Anderson Pico e Amaral jogaram lembranças para quem estava na arquibancada.

O Flamengo não joga em Manaus desde o dia 25 de junho de 2006, quando venceu o Fast Club por 3 a 2, no antigo estádio Vivaldão, em viagem durante a Copa do Mundo da Alemanha, que serviu de preparação para decisão da Copa do Brasil, diante do Vasco. Neste domingo, o rival será o Botafogo, às 21h (de Brasília), na Arena Amazônia, pela 31ª rodada do Brasileirão.

 Sem boa parte dos titulares, Luxa deve mandar para campo um time com Paulo Victor, Léo, Marcelo, Samir e Anderson Pico; Amaral, Muralha e Luiz Antonio; Gabriel, Eduardo da Silva e Nixon. Globoesporte

Tuna Luso desfaz acerto com Cacaio, que deve ser anunciado no Cametá

Melou! Por falta de recursos financeiros, a Tuna Luso acabou desfazendo o acerto com o técnico Cacaio, que comandaria o time na Primeira Fase do Campeonato Paraense, conforme anunciado no meio da semana. A informação foi repassada ao GloboEsporte.com pelo próprio treinador, na manhã desta sexta-feira, dia 24. – Eu tinha acertado com eles na quarta-feira pela manhã, mas quando foi ontem (quinta), eles me ligaram pedindo para eu dar uma segurada. Parece que não conseguiram arrecadar uma quantia ou estava priorizando a contratação de alguns jogadores – revelou Cacaio. O técnico, por outro lado, negocia com o Cametá para a etapa principal do Parazão. Segundo ele, as conversas estão adiantadas com Ari Sanches, dirigente do Mapará Elétrico. – Estamos conversando com eles. Na realidade, acertamos tudo já. Se nada mudar, eu devo seguir para o Pará no final do mês de novembro para começar a montar o time, buscar jogadores e iniciar o trabalho. Vamos aguardar o andamento das coisas – concluiu. Globoesportepará

Marta é indicada para prêmio de melhor do mundo pela 12ª vez

Marta concorrerá ao prêmio de melhor jogadora do mundo mais uma vez neste ano. A brasileira é uma das 10 indicadas para o prêmio concedido pela Fifa, que divulgou a lista de candidatas nesta sexta-feira. Esta é a 12ª indicação da atleta de 28 anos, que é a maior vencedora da premiação, com cinco troféus, além de três segundas colocações e dois terceiros lugares. ntre as adversárias de Marta, estão as duas últimas vencedoras do prêmio: a goleira alemã Nadine Angerer e a atacante norte-americana Abby Wambach. Na lista ainda estão presentes as suecas Lotta Schelin e Nila Fischer, as japonesas Aya Miyama e Nahomi Kawasumi, a alemã Nadine Kessler, a francesa Louisa Necib e a espanhola Veronica Boquete. Para chegar a mais uma indicação, Marta teve como trunfo a boa campanha de sua ex-equipe, o Tyreso, da Suécia, na Liga dos Campeões feminina, em que ficou na segunda colocação na temporada 2013/14. Agora, ela defende o Rosengard, do mesmo país. Marta foi indicada ao prêmio pela primeira vez em 2003, quando ficou na décima colocação. Nos dois anos seguintes, conseguiu uma segunda e uma terceira colocação. Depois disso, foi eleita a melhor do mundo por cinco vezes consecutivas, ficando em segundo em 2011 e 2012 e em terceiro no ano passado. Globoesporte